Uma agenda de pesquisa para as Ciências Sociais e Humanas em tempos de Covid-19: conheça a proposta

Diante do cenário nacional da pandemia de Covid-19 e suas repercussões generalizadas em diversos campos e aspectos da vida pública (saúde, educação, desigualdade etc.), combinado a um crescente ataque aos instrumentos de financiamento e incentivo à pesquisa científica, especialmente no âmbito das Ciências Sociais e Humanas em Saúde, um grupo de pesquisadores da área lançou uma proposta sintetizando os principais temas, eixos e preocupações que se tornaram urgentes durante a pandemia. O texto, publicado no Cadernos de Saúde Pública, tem o professor Martinho Silva (IMS) entre seus autores. Confira abaixo a lista de temas realçados pelos pesquisadores e clique aqui para ler o artigo na íntegra.

1) Ciência e COVID-19: práticas e outras epistemologias;

2) Estado e COVID-19: políticas e o governo da pandemia;

3) Discriminação e COVID-19: racismo, relações de gênero e desigualdades sociais;

4) Trabalho e COVID-19;

5) Violência e COVID-19;

6) Sofrimento psíquico e COVID-19: produção de subjetividades, formas de sociabilidade e resistência;

7) Risco e COVID-19: transversalidade com outros eventos de saúde/doença;

8) Cuidado, bioética e COVID-19; e

9) Emergências globais e COVID-19.