Physis publica mais comentários. Agora, sobre desmonte do Estado.

Dando continuidade aos comentários que já estão publicados aqui
no site do IMS e que fazem parte do v. 30, n. 2 da Physis sobre a epidemia
Covid-19 e seus impactos sociais, a editoria da revista convidou
professores, alunos e pesquisadores da área de Saúde Coletiva a enviar
novos comentários em torno da epidemia. O tema é o desmonte gradual do Estado,
que prejudica a capacidade de gestão e de operação pública do SUS, e que
vem se agravando nos últimos anos, com a adoção de uma radical agenda
neoliberal.

Ler mais

“Surto importado”: migrações de crise no Brasil na década de 2010

Ana Carolina Maia (estudante do doutorado em Saúde Coletiva do IMS/UERJ) e Rogerio Azize (pesquisador e professor do IMS/UERJ), estão participando do dossiê “Gênero, deslocamento e fronteiras noqdo mundo contemporâneo”, da Revista Equatorial. O artigo discute aspectos da economia da distribuição da diferença entre migrantes chegados ao Brasil a partir de dois casos emblemáticos da década de 2010: os haitianos e os venezuelanos. Confira.

Ler mais

Saúde coletiva: múltiplos olhares sobre a pandemia

Tendo em vista a epidemia de COVID-19 e suas implicações socioculturais, econômicas e políticas, bem como a gravidade com que ela vem atingindo a vida das pessoas, a editoria da Physis lançou um convite aos professores do IMS para que compartilhassem suas reflexões sobre o tema, partindo de suas áreas de investigação. Temos aqui o resultado desse desafio.

Ler mais

Chamada número temático “Programa de Volta para Casa” da Revista Ciência & Saúde Coletiva

A revista ambiciona compilar reflexões científicas reveladoras da multiplicidade das experiências locais, adensar o quadro crítico sobre os paradigmas de sua constituição, limites e possibilidades e análises avaliativas sobre a potência do programa como recurso estratégico do cuidado em liberdade. Confira.

Ler mais

Convocatória de edição temática: Saúde da Criança e do Adolescente na América Latina

Esta edição tem o objetivo de divulgar ações, experiências e relatos de trabalhos, pesquisas e intervenções na área da saúde da criança e do adolescente. Visa-se que a discussão aconteça a partir de um enfoque multidisciplinar, compreendendo a inter-relação de aspectos físicos, orgânicos, psicossociais e culturais da saúde e que retrate as singularidades e especificidades de cada contexto, e de cada país da América Latina.

Ler mais

Livro-coletânea “Etnografia de documentos”

O livro-coletânea “Etnografia de documentos: Pesquisas antropológicas entre papéis, carimbos e burocracias”, organizado por Laura Lovekron (IMS/UERJ) e Letícia Ferreira (DAC/PPGSA/UFRJ), nasceu dos desafios analíticos enfrentados pelas próprias organizadoras em suas etnografias pelos inquéritos e outros documentos policiais, mas compartilhados também por diversos antropólogos cujas pesquisas de campo foram atravessadas, muitas vezes inesperadamente, por encontros com papéis e outras modalidades de registros burocráticos. Confira.

Ler mais

Revistas de Saúde Coletiva adotam fast tracking para divulgar produções sobre a pandemia de Covid-19

Parte do esforço para descobrir e produzir métodos de prevenção e tratamento para o SARS-CoV-2 consiste no compartilhamento de informações entre pesquisadores de todo o mundo. A comunidade científica da Saúde Coletiva brasileira também está envolvida neste movimento, e várias revistas científicas estão com processos de revisão acelerada por pares e divulgação diferenciada – o fast tracking – a fim de facilitar a troca de questionamentos e resultados produzidos sobre a pandemia.

Ler mais

Cartilha “Violência Doméstica e Familiar na Covid-19”

O objetivo da cartilha é oferecer subsídio aos profissionais da rede de proteção e cuidado às pessoas em situação de violência, bem como aos gestores e a todos os envolvidos nas resposta à COVID-19, reforçando as ações voltadas às pessoas em situação de violência doméstica e familiar durante a crise. Claudia Leite de Moraes, pesquisadora e professora do Instituto de Medicina Social, participou do desenvolvimento do material.

Ler mais

Dossiê “Saúde, corpos e saberes”

O dossiê “Saúde, corpos e saberes”, organizado por Cristina Dias da Silva e Marcos Castro Carvalho, traz contribuições importantes para os debates contemporâneos desenvolvidos nas ciências sociais sobre saúde e conhecimentos especializados (científicos, populares, etc). Por conta de ser uma edição especial, as sessões “Artigos” e “Resenhas” não compõem este novo número, apenas o dossiê propriamente dito. Confira.

Ler mais